19 janeiro 2009

Na certeza do não eu vou na dúvida do sim

Na certeza do não eu vou na dúvida do sim...kkk(Ari. 18/01/09)

Quando acordei nem imaginava que meu dia seria assim(risos)
To rindo até agora das brincadeiras, palhaçadas(...)
Nessas horas vejo o quanto Deus é bom comigo.
Que bom que Ele me deu você de presente, e o melhor ainda, sem prazo de validade, válido pela vida inteira e eterna, porque mesmo depois de tanto tempo distante um do outro, esse sentimento não morreu.
Assim percebemos que ainda existem pessoas boas nesse mundo, e que não precisa necessariamente morar na mesma cidade que a nossa e muito menos perto da nossa casa para nos fazer feliz.
Sentimento sincero que com o tempo só fez amadurecer.
Não quero nunca que isso acabe!
Quero ter a certeza de que posso confiar sempre nesse sentimento que nos envolve, nessa amizade enorme que existe, que o tempo não conseguiu apagar, e espero que me traga pessoas tão boas assim quanto você para o nosso meio.
Nossa(...) te juro que nem consegui dormir de tantas surpresas em meio as nossas resenhas, lembrava o tempo todo e deixava no rosto vir um sorriso espontâneo.
Isso sim é amor.
E é esse amor que precisamos em nossos dias.
Saber que em meio a tantos impedimentos, diferenças e sofrimentos, ainda existe tempo para demostrações simples de afeto.
Vivemos muitas coisas juntos, e assim se deu nome a esse sentimento que nos envolve a cada passar de ano.
São coisas assim que marcam, do tipo:
- Vamos caminhar na praia, não to bem hoje?! (e andarmos quase 10k sem perceber e levar bronca quando chegar em casa)
- Vamos pegar onda? (E tomar um monte de caldos)
- Vamos tomar sol? ( E pegar uma baita insolação)
E várias outras coisas, como; nossos tres amigos inesquecíveis, nossas resenhas com as meninas que queriam nos conhecer, nossas noites no banquinho na porta da minha casa, minha almofada de coração, com o perfume thaty, que deu confusão (risos), e como esquecer, você em prantos quando eu fui embora, que nem quis me abraçar.
Ohh Deus! Como fomos felizes! E o bom é que soubemos aproveitar bem nossos momentos.
E depois de mais de 10 anos nos encontamos na internet, e ele diz " se estiver na Bahia vou te ver em qualquer lugar" e assim veio.
Quanta felicidade me trouxe.
Foi então que percebi que quando o sentimento é verdadeiro, barreiras, distância, diferenças, não existem.
Os momentos que passamos foram o suficiente para nos sustentar todos esse anos que perdemos o contato, de tantas que foram nossas mudanças(...)
E a última, segundo mais um amigo que ele me trouxe, que acho que vou usar para o resto do meu ano (risos) :
- Na certeza do não eu vou na dúvida do sim.
É arriscando que se consegue o que quer.
Em meio as nossas resenhas, a pessoa cara de jegue, levanta da mesa e me apronta mais uma que vai ficar na memória:
- Toma coloca o número do seu celular aqui. ( Se dirijindo a mesa em frente a nossa com o meu celular)
Você é demais viu? Eu juro que quis te matar.
Quanto desconcerto me trouxe( risos).
Confesso também que se não fosse assim não prestaria.
Enfim quero sempre ter momentos maravilhosos e marcantes com você.
Que venha 2009 pra nós.
Em breve estarei ai!
(L.D.)

Nenhum comentário:

Postar um comentário