07 maio 2009

Você é hipócrita.

Nesses últimos dias o amor existente dentro do meu peito vem sendo cada vez menos amor.
Nossa é tanta falta de amor que nos esbarramos no dia-a-dia que não sei como estamos vivos ainda.
O que mata mesmo são pessoas hipócritas.
Posso ser complexa, chata, exigente, umas vezes mulher, outra menina, posso parecer perdida em meus sentimentos, louca as vezes, emburrada (...)
Mas não me entrego pela metade, não sou meia amiga e nem seu quase amor (...)
Pra mim é tudo ou nada, não suporto meio termos, ou tá comigo ou não tá, não suporto divisão, sou egoista nesse ponto
Mas me diga se tratando de relacionamentos, quem quer ver seu parceiro com outra pessoa? Ninguém né, pelos menos as pessoas normais que conheço pessam assim.
Pode até me chamar de boba, mas burra eu não sou não.
Ainda tem amiga que me diz que eu seria uma boa detetive, e que iria ganhar bem com isso(Risos!)
Sou pessoa sincera, alegre, de riso fácil, quem ganhar minha confiança e me fazer rir leva minha amizade pro resto da vida.
Mas olha tenho coração viu?! Talvez não saiba disso, deve ser porque você não tem não é?
Mas uma coisa que não sou é hipócrita e mediocre como você, isso sim você é, posso afirmar com toda certeza do mundo, assim como 2+2=4.
Não vou me enganar mais, isso só me faz forte para ler as próximas páginas da minha vida.
Hoje as portas do meu coração não estão apenas fechadas estão trancadas, portas essas que de tanto pedir esmolas estava virando bandida (...)
Pouco importa agora elas estão trancadas.

(L.D.)
03/03/09

Nenhum comentário:

Postar um comentário